Coquetel Molotov

Coquetel Molotov abre 2017 com Céu, Boogarins, Ava Rocha e Ventre

Depois de seis anos, o festival volta a ser realizado em Salvador reunindo nomes como Céu (SP), Boogarins (GO), Ava Rocha (SP), OQuadro e Giovani Cidreira.

Se 2016 acabou com uma sequência de festivais em Salvador, o ano que está para começar vai seguir no mesmo ritmo. Já em janeiro a capital baiana volta, finalmente, a receber uma nova edição do pernambucano Coquetel Molotov. Depois de seis anos sem conseguir promover uma nova edição, o festival volta no dia 14 de janeiro, no Museu Du Ritmo, com uma programação caprichada: Céu (SP), Boogarins (GO), Ava Rocha (SP) e Ventre (RJ), além dos baianos OQuadro, Giovani Cidreira, Lívia Nery e Bagum.

Veja também:
Retrospectiva 2016: Os 15 melhores shows do ano.

Premiada recentemente com o Grammy Latino, a cantora Céu retorna à capital baiana com seu elogiado “Tropix”. Ela já havia apresentado o show de seu mais novo disco no Pelourinho, em julho. Depois de um concorrido show no Portela café, dentro do projeto Noites Radioca, a banda Boogarins também retorna para mostrar mais uma vez seu segundo disco, “Manual”.

A paulista Ava Rocha também está de volta, agora com um show mais completo do que havia feito na cidade e para um público maior. Ela traz o show de seu excelente “Ava Patrya Yndia Yracema”. A outra atração visitante é a única a estrear em palcos soteropolitanos. A banda carioca Ventre vem mostrar porque vem sendo considerada uma das bandas relevações do rock nacional. O power trio faz um som urgente e pesado, com uma pegada stoner rock e letras em português.

Os baianos estão muito bem representados no festival, com o grupo de rap OQuadro, recém selecionado no edital da Natura e deve antecipar músicas do novo disco; Giovani Cidreira, apresentando o disco solo que lança em 2017; a cantora e compositora Lívia Nery, mostrando porque é uma das principais revelações da cena local, e a novíssima banda Bagum, que faz um som meio jazz experimental e já lançou dois EPs este ano.

Além dos shows, o festival terá feira de produtos e desfile de moda. O ingressos vão custar R$ 40 (inteira) e R$ 30 (social, com doação de livro infantil).

Para quem gosta de música sem preconceitos.

O el Cabong tem foco na produção musical da Bahia e do Brasil e um olhar para o mundo, com matérias, entrevistas, notícias, videoclipes, cobertura de shows e festivais.

Veja as festas, shows, festivais e eventos de música que acontecem em Salvador, com artistas locais e de fora dos estilos mais diversos.

Leia Mais
Dois hits embalam o verão europeu 2013