Coletânea

CD ainda em discussão
Impressionante como as grandes gravadoras agem contra si mesmo e vivem reclamando de pirataria e da troca de arquivos pela internet. Se você ainda compra CD, deve ter se deparado com algum que continha a mensagem: “Conteúdo Protegido”. Como hoje, boa parte das pessoas ouvem música pelo computador, seja MP3, seja CD, a gravadora resolve complicar a vida do seu cliente, o público. Para ouvir o CD você tem que ter um computador com a configuração mímina exigida por eles. Se tiver tudo certo, tem ainda que esperar todo o processo do programa leitor do CD. A idéia, que é paar evitar cópias para versões em MP3, parece na verdade ser dificultar o acesso a música. Um tiro no próprio pé, já que para baixar qualquer música hoje é muito fácil e romper o lacre não é tão difícil para o público mais antenado. A dona de casa, o senhor no escritório acaba sendo o mais prejudicao, logo aquele, que se mantém aind amais fiel ao CD. As gravadoras perderam o bonde da história e ainda tentar recuperar o tempo perdido. A Universal parece que se tocou que os altos preços só tendem a afugentar compradores. A gravadora está lançando na Europa três conjuntos de CDs em formatos e preços variáveis. São três modelos, um luxo (com preço sugerido de US$ 25), um padrão (US$15) e uma versão básica, feito (US$ 10). Segundo a gravadora, 90% de suas vendas ainda são de bens físicos e o CD em 20 anos nunca havia passado por uma reformulação. A idéia, que ainda não se sabe se vai vingar muito menos se chegará ao Brasil, é dar novo ânimo ao mercado de CDs físicos. Se vai dar certo…
Disco novo
Os sumidos The Honkers estavam quietos, mas na verdade estavam trabalhando em seu novo disco, “Roll up your Sleeves and Help us Rock up this Honker World” que começa a ser vendido no próximo mês. O trabalho é o primeiro da banda no formato tradicional, prensado em fábrica. Antes eles haviam lançado dois Eps. O disco, na verdade vai servir como uma apresentação da banda para o mercado europeu, onde a banda pretende tocar em 2007. No repertório estão cinco faixas do primeiro EP, além de sete novas composições. É o primeiro da saga de cinco CDs prometido pela banda. Os outros ainda estão na prateleira de promessa. Para finalizar, a banda deve participar de um novo festival em João Pessoa, em agosto. A banda promete divulgar mais novidades nos próximos meses.
Festivais com baianos
Falando em bandas baianas presenets em festivais Brasil afora… Depois do fim da Automata, os baianos da Los Canos foram convocados para o Festival DoSol, que acontece no começo de agosto, em Natal. Antes, no dia 15 de julho, outra banda baiana, Stancia, se apresenta no V Araraquara Rock, na cidade do interior paulista. A Sangria tocou nesse fim de semana em um outro festival em Palmas, Tocantins. A Brinde também tenta voltar aos festivais fora da Bahia, o grupo está numa votação que escolherá bandas para se apresentar no Festival do Cerrado, em setembro, em Goianésia (GO). Vote pelo www.festivaldocerrado.com.br.
Entre os maiores
Melhor ainda fez a Malefactor. A banda baiana de Heavy metal vai se apresentar no Wacken Open Air, na Alemanha, considerado o maior festival do gênero no mundo. O grupo será o único de toda a América Latina a participar do evento e o primeiro do Nordeste. O festival acontece numa fazenda em Hamburgo e deve reunir cerca de 40 mil pessoas. A Malefactor toca também, pela terceira vez, no BMU, em São Paulo, mais importante evento de Heavy Metal do Brasil.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Para quem gosta de música sem preconceitos.

O el Cabong tem foco na produção musical da Bahia e do Brasil e um olhar para o mundo, com matérias, entrevistas, notícias, videoclipes, cobertura de shows e festivais.

Veja as festas, shows, festivais e eventos de música que acontecem em Salvador, com artistas locais e de fora dos estilos mais diversos.

Leia Mais
Abre aspas